28.3.08

Quando a gente tem medo da solidão é porque a gente tem medo de ficar sozinha com a gente né? Ou não? Sei lá! Cada vez que eu tenho medo de ficar sozinha comigo,corro pra perto de tu,aí fica nós três juntas: eu, tu e a parte que me apavora. Aos poucos e no meio de alguns risos totalmente saudáveis,a conversa vira um diálogo. O problema, Maria, é quando a gente tem medo de se encarar, de se olhar no espelho de cabeça erguida, sabe como é né? A gente abre um sorriso, mas ele não é por inteiro; ri mas não deixa a barriga se contrair e os hormônios fluírem. É isso: nada flui.

E te vendo assim, me sinto um pouco culpada. A gente só não quer se ter por completo e pra sempre quando não se conhece ou se o conteúdo estraga o produto. No teu caso, tu se conhece " assim assim" e é tão, mas tão cheia de qualidades que não tem como se encaixar em qualquer grupo daqui.( Talvez isso seja já mania tua: " odeio me parecer com todo mundo!", no entanto, só busca gente igual!).Por isso,eu tenho que te dizer, ou melhor,te relembrar que tu é bonita demais! Como tu mesmo diz, a gente nasceu pro mundo e eu concordo bastante, mas tu carrega uma diferença fundamental: além desse mundo que precisa de mapa, tu é feita pro que só se conhece através de cheiro, sabor, cor. Tu é feita pro mundo que tu inventa, o aí de dentro, tão teu. Tu sabe encontrar as nuances e os significados de conceitos ainda não elaborados.

Pega as tuas metáforas fantásticas,teu poder de encantar com as palavras e tuas idéias mirabolantes põe em cada lado do braço e enfrenta não-sei-o-que, mas enfrenta. E se as palavras, as idéias, os gritos e a tua letra feia não solucionarem, a gente " chega chegando", em lugar alto ou baixo, nadando ou fingindo que corre, a gente chega! Não para de escrever, de se meter em confusão, não para de viver. A vida não se resume a um domingo à tarde solitário, é uma coisa muito maior! Se não me engano é aquilo que tu guarda debaixo da pele e tu diz que é "objetivo", só pra não assumir pro mundo de fora que é sonho mesmo, cheio de significado.

Vai, Maria! E não acumula esse querer adormecido, espalha por aí, dona moça!
Tu é feita de amor!

Espero que tu consiga enxergar que tem tanto, tanto, tanto brilho que não tem como se apagar num diazinho qualquer, às três da tarde. É meio utópico né? Mas é a única coisa que eu posso fazer. Só posso pedir pra as palavras se juntarem dois segundinhos por aqui e te dizer que eu tenho é muito orgulho de tu, do que você é. Tu é tanta coisa!

Sai daqui, vai ser feliz, tem gente te esperando lá fora.

ai ai, Maria!



* a formalidade e a preocupação com a gramática foram tirar férias. Voltarão logo mais.

22 comentários:

Juliana.Campos disse...

"...é aquilo que tu guarda debaixo da pele e tu diz que é "objetivo", só pra não assumir pro mundo de fora que é SONHO mesmo, cheio de SIGNIFICADO."

um texto muito,muito lindo!

Mary disse...

Olá, olá!
Escreveu meu nome e eu vim visitá-la...
Gostei do que li e vou voltar a passar mesmo, que já não haja o meu nome escrito.
Até breve!!!

Camilinha disse...

"tu é feita pro que só se conhece através de cheiro, sabor, cor. Tu é feita pro mundo que tu inventa, o aí de dentro, tão teu. Tu sabe encontrar as nuances e os significados de conceitos ainda não elaborados."

...como cê consegue isso, menina? de onde vem tanta sabedoria de vida?

beijos daqui...

imnotinsane disse...

Lindo mesmo :)
***

a adolescente disse...

"A vida não se resume a um domingo à tarde solitário, é uma coisa muito maior!"

Com certeza, sem dúvida alguma.
Ah se pensássemos assim...

De qualquer forma, parabéns pelo blog! Lindo!

beijos!

Clara Mazini disse...

O melhor é poder sair... dar as mãos às nossas partes e caminhar com elas. Fica um caminho bonito.

Filipe Garcia disse...

Não sei o que é mais bonito nesse texto. Gosto dessa sua escrita despojada, livre... gosto mesmo.

E você escreve mto bem, Menina Clara. Inacreditavelmenete bem.

Bjos.

Juliana Caribé disse...

Concordo com o Filipe: você escreve muito, muito bem.

Beijos.

Cecilia . disse...

não, é pq não se quer encontrar o vazio dentro da gente. Pq no vazio, lá dentro, mora um som. ( é, segredo : dentro do silêncio há som e só se faz com silêncio.)

é um som de coração.
som de voz dizendo pra si coisas tão-tão boas que tantas vezes não acreditamos...



ah, p.s.: voa, maria, voa, não faz de ti um sonho a só ser sonhado!

Banzooo disse...

Uma gracinha esse texto! Vai Maria, vai viver ^^

=**

[Ana Clara]

тαynαн disse...

"Como tu mesmo diz, a gente nasceu pro mundo e eu concordo bastante, mas tu carrega uma diferença fundamental: além desse mundo que precisa de mapa, tu é feita pro que só se conhece através de cheiro, sabor, cor. Tu é feita pro mundo que tu inventa, o aí de dentro, tão teu."

Nossa. Adorei o texto. De tudo.
Da idéia, da forma escrita, da imagem, da maria...

E penso.. Na ida do mundo daqui pro mundo de lá, às vezes acontece de nos perdermos. E nessa hora nem olhar no espelho adianta. Porque o que vimos é um vestígio daquilo que deixamos e da parte que ainda falta. AAhhh.. Estou maravilhada com o texto e de tudo que ele me trouxe. Obrigada.


beijos
boa semana.

Keidy Lee Jones disse...

Lindo texto, daqueles que se lê até o fim.

Boa semana!

Ana Cláudia Zumpano disse...

são tantas as vezes que nos escondemos atrás de tudo... esquecemos do nosso valor, do nosso mundo... tentamos ser práticas, menos sensíveis... mas no final acabamos enxergando o quanto é especial ser assim, igual a Maria, a Clara...
Lindo texto! vc escreve muito bem!

Ahhh e nem acredito q vc viu um show da Nouvelle... eu sou apaixonada nas canções, ela cantando Love will... é maravilhoso!!!

bjos ;*

Narradora disse...

Oi,
Lindo o seu texto, me lembrou uma música (Olha Maria - Chico Buarque e Tom Jobim), principlamente aquela parte em que vc diz "não acumula esse querer adormecido". Na música eles dizem assim: " a vida não espera/ É uma primavera/ Não podes perder"
Bom conselho,
Bjs.

Rafael disse...

Ah, ficou mó bom esse lance do 'tu' aí. Se vier algum gramático reclamar, deixa falar. xP

Fred Gonzalo disse...

Oi Clara,

Esse é um convite para que você participe de uma entrevista conosco. Se estiver interessada, mande um e-mail para gonzalofred@yahoo.com.br

Abraços.

http://entrevistasvirtuais.blogspot.com/

Leila Saads disse...

"Talvez isso seja já mania tua: " odeio me parecer com todo mundo!", no entanto, só busca gente igual!)"

Esse seus parêntese, tão característico do mundo de hoje - ou quem sabe do mundo de sempre.

Lindo o texto.
=*

thai disse...

olha maria! ;)
obrigada pelo texto, viu?
te amo!

nj.marabuto disse...

minha vez de agradecer! coisas que nem sei tornaram menos áspero todo o processo pra mim. [por enquanto]

"Pega as tuas metáforas fantásticas,teu poder de encantar com as palavras e tuas idéias mirabolantes põe em cada lado do braço e enfrenta não-sei-o-que, mas enfrenta." — sorriso nos olhos.

...e esse tanto de Maria me lembrou uma música: "Maria you know you're my lover / When the wind blows I can feel you / Through the weather and even when we're apart / It feels like we're together Maria / She reminds me of a west side story /
Growing up in Spanish Harlem /
She's living the life just like a movie star / Maria, Maria..." (Carlos Santana)

ah!!! to com novo blog:
http://suaveexaspero.blogspot.com/

beeeeijo

Mr. Ziggy disse...

Clara, Clara, Clara...

O melhor dos seus textos que já li! Isso mesmo, dá força total pra Maria se libertar, porque ela é linda e emociona a gente; contagia-nos com o alto astral dela, entende? "É bem por aí" mesmo. Rsrsrsrs!

Bjos de cá!

Fernando Locke disse...

Fantaástico! Meus parabens! olha, estou emocionado! fOI POÉTICO, foi concreto, foi objetivo, foi simples, foi belo! Olha, eu ecrevo muito sobre solidão, umsentimento dificil de se entender, mas vc deu nova perspectiva, e o modo como encarou! nota 11!!! " A vida não se resume a um domingo à tarde solitário, é uma coisa muito maior! Se não me engano é aquilo que tu guarda debaixo da pele e tu diz que é "objetivo", só pra não assumir pro mundo de fora que é sonho mesmo, cheio de significado."

Extremamente Real! Verdadeiro! Já sentoi isso tantas vezes e percebo que a vida é mais que uma tarde chuvosa ou umdomingo triste! a vida éuma jornada! grande abraço!

Fada disse...

Pois é....somos sozinhos sim, mas não precisamos ser solitários.

Escolhas são pessoais mas para praticá-las em conjunto.

Adoro seusntexto guria

Uma enorme beijokas