8.12.08

Desamores.

Sabe o que mais me apavora em você?
Esse teu jeito vazio de ser.
Essa lógica irracional que só te permite enxergar
preto ou o branco.
Ah, se soubesses as tonalidades do cinza, se parasses pra observar os detalhes,
te juro,
me renderia.
Mas, se cada passo teu é programado e
apenas satisfaz a tua necessidade estranha de ser vago,
a esse medo de mostrar-se,
em vários ângulos e por todos os cantos,
te juro,
aliás,
te peço:
vai.

É que eu aprendi a gostar de arte.
E você, meu bem,
já não é mais inspiração.

* Voando.

14 comentários:

On The Rocks disse...

clara,

muito bom!

gostei mesmo.

bj

Tiago Júlio disse...

Ser vago, às vezes, não é opção. Não dá pra alterar o sabor das coisas pra combinarem com os nossos gostos. Bem sei.

O livro eu não prometo, mas te dô uns retalhos.
'Brigado, Clara.

Cesar Oliveira disse...

Lindisssimo poemaaaaaaaaaaaaaa

Gabrielle disse...

Muito bom, parabéns!
O pior que acho, é quando tudo isso chega a doer. E dói muito. (Mas passa.)

Beijos.

e-letrizada disse...

bem bye bye baby!
haha

gostei :)

Karine disse...

Clara,

Era tudo que eu precisava ler hoje. Obrigada.

Um beijo.

Sunflower disse...

Bom, estou me sentindo repetitiva, mas postei algo sobre como publicar livros e acho que você devia checar.

beijas

disse...

Colorido coração.


Bjo

Leila Saads disse...

Quando nada mais inspira, expira-se.

:*

Notas e Notícias disse...

Lindo, lindo seu poema.
Parabéns menina Clara.

bj

Leonardo Hoffman disse...

Se não mais me inspiro,aspiro por outros cantos.
Canto.

Salve Jorge disse...

Quando com um saara
Você se depara
È coisa rara
Quem por ali para
E fica
Cabe cá uma dica
Quem não se comunica
Se estrumbica
Já dizia o Chacrinha
Então esqueçamos a rinha
E tudo mais que definha
Pois é claro
Amiga minha
Que teu jeito raro
Cara Clara
Merece mais faro
E mais tara
Por parte desse caro
Que mal sabe
O tesouro que lhe cabe
Então que tudo se acabe
E que você siga...

Clara disse...

noooossa! adorei! enciaxou direitinho com uma pessoa q conheço ;x
lindo...

Erica Marie disse...

Lindo mesmo...

Qdo puder, visite meu blog viu?

Intenso este texto!!!

Bjs:)