21.10.09

Dia do Poeta


A todos que fizeram dos versos matéria-prima para minha alma, teceram rimas como paixões à flor da pele, dilatadas na métrica.

A todos os sonetos mal projetados e mal intencionados, moradas minha.

A essa poesia incessante, velha, nova, de sempre.

Aos poetas, brotados em mim, que inundaram as minhas páginas de letras apaixonadas e doloridas.

A você, que me ensinou, naquele verso estrondoso, que amores cravam flores no coração, e depois, sorriu, pintando a noite de qualquer cor brilhante.

As palavras nascidas nas entranhas.

A você e a tua poesia feita com os olhos.

A você e sua cor azul, sua poesia caiofernandiana, meu ser alucinógeno.

Sim, você e seu ato desesperado de não-ser. Tuas inconformidades deixadas debaixo dos teus cabelos cacheados.

Ao sorriso mais bonito, transformado em texto longo, cheio de idas e vindas.

Ao todos os poetas, com aquele cheiro louco de jasmim. Vivam e brilhem.


Vivam e brilhem.

Minha alma agradece.



* abra a tal da porta




9 comentários:

Erica Maria disse...

Parabéns pra nós menina*

Adoro o q escreves, Bjos*

Thaís Nóbrega disse...

eita, mais um sucesso! vou adicioná-lo =)

borboleta disse...

Eu gosto é de abrir a tal da porta, pra me ver na tal da clara. E te entender, desentender, me assustar, me perder e me achar... No final a gente sempre se encontra. Naquele amor e naquela poesia feita com os olhos. Feliz dia da gente. E de todos.

Jaya disse...

Viva e brilhe.
Mais.

Um beijo, Clarinha.

Jéu disse...

E um grande viva aos tradutores da alma!

Um grande abraço!

Lorita disse...

Imortais...

Beijos

Byers disse...

Oie moça.

Sumi né? esqueci de te falar que gravei o texto aqui, nossa, loucura isso, fim de ano, complicações.

Agente vai se falando, Dezembro sai a Sunshine de Verão.


=* bjos.

Matheus N. disse...

desculpa se seu texto perdeu todo o brilho para o sorriso da foto do perfil que você colocou.. que coisa
mais linda :*

Ni ... disse...

Lindo!